Data: 07/04/2011
Mês: Abril
Ano: 2011
Em Fevereiro de 2011, o Índice de Novas Encomendas na Indústria registou uma variação homóloga (mm3m) de 20,0% (31,5% em Janeiro de 2011). Esta desaceleração foi determinada pelas encomendas com origem no mercado externo que registaram uma variação de 29,5% (VH, mm3m) diminuindo 25,5 pontos percentuais (p.p.) em relação ao verificado no mês anterior (55,0% (VH, mm3m)). No que respeita ao mercado nacional, o Índice de Novas Encomendas na Indústria registou uma variação de 10,4% (VH, mm3m), aumentando 2,4 p.p. em comparação com Janeiro (8,0% (VH, mm3m)). 

O agrupamento de Bens Intermédios determinou a desaceleração do índice total, tendo apresentado o contributo mais relevante para a variação do mesmo, 13,1 p.p., resultante de uma variação homóloga (mm3m) de 28,6% (51,4% (VH, mm3m) em Janeiro). O agrupamento de Bens de Consumo registou uma diminuição de 1,8% (VH, mm3m), o que compara com um crescimento de 3,3% (VH, mm3m) observado em Janeiro. O agrupamento de Bens de Investimento registou a uma variação homóloga igual à registada no mês anterior (21,5% (VH, mm3m)).

i009107

Documento Original PDF