Data: 08/02/2018
Mês: Fevereiro
Ano: 2018
O INE divulgou hoje a publicação “Empresas em Portugal 2016”, na qual são apresentados os valores definitivos relativos aos principais indicadores estatísticos caracterizadores da estrutura e evolução do setor empresarial português, obtidos a partir do Sistema de Contas Integradas das Empresas, em 2016.
 
Segundo o INE, o ano 2016 ficou globalmente marcado pela continuação da evolução positiva dos principais indicadores económicos e financeiros do setor empresarial. Face ao ano anterior, o número de empresas individuais cresceu 3,1% e o número de sociedades aumentou 2,3%. O Pessoal ao serviço e o Volume de negócios aumentaram, respetivamente, 3,5% e 2,7%, em termos nominais.
 
No setor não financeiro, o número de unidades empresariais cresceu 2,8%, enquanto o Volume de negócios, o Valor acrescentado bruto e o Excedente bruto de exploração registaram acréscimos nominais de 2,7%, 6,0% e 8,4% respetivamente (2,7%, 5,8% e 6,9% em 2015). Analisando o contributo setorial na evolução do EBE, destacou-se o Alojamento e restauração com 1,6 p.p..

i027214

Em 2016 existiam 5 553 sociedades de elevado crescimento (mais 984 que em 2015), as quais geraram um VAB de 10 486 milhões de euros, representando 16,8% do total (menos 0,7 p.p. que em 2015).

O peso no Volume de negócios das sociedades com perfil exportador aumentou 5,0 p.p. entre 2008 e 2016. No período em análise, a dimensão média destas sociedades em termos de Volume de negócios e de Pessoal ao serviço foi respetivamente de 5 053 mil euros e 29 pessoas, o que compara com 634 mil euros e 6 pessoas para as sociedades sem esse perfil.

 

Documento Original PDF