Data: 08/02/2011
Mês: Fevereiro
Ano: 2011

De acordo com os resultados preliminares do INE, as saídas de bens registaram, no período de Outubro a Dezembro de 2010 e face ao período homólogo, um aumento de 15,8%. As entradas registaram, no mesmo período, um aumento de 10,3%. A taxa de cobertura foi de 64,5%, correspondendo a um acréscimo de 3,1 p.p., face ao mesmo período do ano anterior. Houve um agravamento do défice da Balança Comercial em 79,2 milhões de euros no período analisado.


Em 2010, as saídas de bens registaram um valor de 36.769 milhões de euros aumentando cerca de 5.000 milhões de euros em relação a 2009, o que representa um aumento de 15,7% em termos homólogos. As entradas registaram um valor de 56.783 milhões de euros aumentando cerca de 5.415 milhões de euros face ao ano de 2009 o que representa uma variação homóloga de 10,3%. A taxa de cobertura foi de 64,8% em 2010, correspondendo a um acréscimo de 2,9 p.p., face ao ano anterior. O saldo da balança comercial em 2010 foi de -20.014 milhões de euros, agravando-se em 414 milhões de euros face a 2009.

i008780

(Gráfico: GEE)


i008774

(Gráfico: GEE)

Documento Original PDF