Data: 15/01/2016
Ano: 2016
Segundo o Eurostat, entre janeiro e novembro de 2015, Portugal registou um défice da Balança de Bens de 9,1 mil milhões de euros, o que compara com um défice de 9,8 mil milhões de euros registado no período homólogo. As exportações de bens cresceram 4% neste período, sendo que se verificou um crescimento das exportações intra-UE (7%) e uma diminuição das exportações extra-UE (-3%). As importações de bens cresceram 2% neste período.
 
O Estado-Membro em que se observou o maior excedente da Balança de Bens foi a Alemanha (232,8 mil milhões de euros), seguida da Holanda (50,9 mil milhões de euros) e Irlanda (42,0 mil milhões de euros). O Reino Unido foi o Estado-Membro onde se registou o maior défice (143,2 mil milhões de euros), seguido de França (55,2 mil milhões de euros) e Espanha (23,4 mil milhões de euros).

i021409.jpg

                                                                         (Tabela: Eurostat)

Entre janeiro e novembro de 2015, a Balança de Bens da Zona Euro com o resto do mundo registou um excedente de 222,1 mil milhões de euros, o que compara com um excedente de 160,7 mil milhões de euros no período homólogo. Neste período, as exportações de bens para fora da Zona Euro cresceram 5% (VHA) e o comércio dentro da Zona Euro cresceu 3% (VHA).

No período em análise, a Balança de Bens da UE28 com o resto do mundo registou um excedente de 44,2 mil milhões de euros, o que compara com um excedente de 1,9 mil milhões de euros no período homólogo. As exportações de bens da UE28 para o resto do mundo cresceram 5% (VHA) neste período e o comércio dentro da região cresceu igualmente 5% (VHA).

i021410.jpg

                                                                                (Tabela: Eurostat)

 

Documento Original PDF